Madrid!

Das varias cidades europeias Madrid é a que fica mais perto e todos os motivos são validos para lá ir. O ano passado foi um presente envenenado que ofereci, este ano um sorteio da TQ eventos e viagens.

Não dispenso uma visita à cidade e assim que a TQ viagens fez o sorteio no facebook aderi. Nada como ser fã da pág.!
¡Depois de partilhar 20 mil vezes a imagem da promoção no facebook (… e criar alguns inimigos por lá… houve até quem me ameaçasse de me eliminar!) fiz as malas e aqui vou eu para terras de nuestros hermanos ! (Tirar muitas fotos para pôr no face!)

Este fim de semana esqueçam o Natal, as dicas de beleza e afins, este fim de semana todos os posts vão dar a Madrid!

20121215-124319.jpg
O objectivo principal desta viagem é dar a conhecer a cidade a um amigo.
Do Sol ao maravilhoso bairro de Salamanca já temos um roteiro alinhavado.

O primeiro local para levar um estreante em Madrid é a Puerta del Sol, é mais ou menos o centro de Madrid, mas na realidade é o km zero. Numa das esquinas temos uma das mais celebres pastelarias da cidade, a Mallorquina, é assim como a nossa versailes mas com menos de 1/3 da beleza. Verdade seja dita não tem beleza nenhuma e é muito barulhenta, mas tens uns bolos muito bons. É famosa pelas trufas e pelos croissants. A mim não me convence, mas tem de se ir mais que não seja para dizer que a nossa versailes é bem mais bonita.

20121215-124110.jpg
Perto do sol fica a Plaza Mayor, é mesmo maior e muito bonita, o caminho não é directo mas basta seguir as milhares de pessoas que se deslocam nesse sentido, (o frio não é impedimento para os espanhóis, rua é a palavra de ordem!) as arcadas estão cheias de lojas de suvenirs, cafés e restaurantes, o centro varia conforme as épocas mas há sempre os homens estatua e as mini feiras. Escusado será dizer que nesta altura todas as barraquinhas vendem presépios e decorações de natal. A praça é muito engraçada para se fazer uma pausa e desancar as pernas.

20121215-123943.jpg
Um pouco mais abaixo há uma paragem obrigatória, o mercado de San Miguel. Aqui sim pode-se almoçar, ou melhor, tapear. É um antigo mercado que foi remodelado e virou mercado gourmet, (um bom exemplo do que fazer ao nosso mercado da Ribeira.) tem tudo um ar fabuloso e apetece provar de tudo, dá gosto olhar para as vitrines. A vontade aqui não é muita, mas se as saudades apertarem podemos encontrar aqui doces conventuais portugueses e pasteis de nata, ou pelo menos dizem que sim, 2 voltas depois continuei sem os encontrar! Outro mercado a visitar é o de San Antón. Fica na Chueca, do outro lado da Gran Via. A Chueca é a zona trendy da cidade e muito direccionada para os gays. Com lojas alternativas, bares e restaurantes. Para jantar, fiz uma paragem no Bazar. A decoração é muito engraçada, toda em branco, e faz lembrar as mercearias antigas. Nunca tinha ouvido falar mas tinha bom ar, decidimos experimentar e fizemos muito bem. Para acabar a noite fomos dançar a um bar/discoteca na zona. A música é na maioria espanhola mas isso não é novidade. Aconselho todos a fazer uma busca pelas 40 mas antes vir para saber o que está na moda e conseguir cantar!

20121215-124225.jpg

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s