Sarah Jessica Parker shoes

Ontem vi a colecção da Sarah Jessica Parker, que vai estar à venda na Nordstrom.com, e confesso que fiquei um pouco decepcionada. Quando soube que ia ter como inspiração as coleções de Manolo Blahnik e como colaborador George Malkemus, CEO da marca, fiquei mega entusiasmada à espera de uma colecção fabulosa daquelas de cortar a respiração, mas não, não sei se por ter as expectativas demasiado altas achei tudo mais ou menos. Sapatitos quase normais. Ainda assim vou dar uma oportunidade e se quiserem podem enviar estes modelitos cá para casa!

20140129-000051.jpg

20140129-000103.jpg

20140129-000111.jpg

Advertisements

12 anos Escravo

A escravidão é possivelmente uma das maiores vergonhas dos seres humanos. Não consigo perceber até hoje como foi possível, e pior, como se manteve durante tantos anos.

A maneira cruel como eram tratados os escravos já foi retratada em vários filmes, e tenho presente na memória a cena onde Leonardo de Capri não deixa o seu escravo poupar a vida a outro escravo numa das muitas lutas até à morte, em Django de Tarantino. Mas regra geral são visões de quem está de fora. Este filme conta a história verídica de um homem livre que é escravizado. Uma visão de quem está por dentro e sofre realmente na pele o que é ser escravo. Revela a insensibilidade com que são tratados, maneira como os srs. deturpavam a bíblia a seu favor, e como eram abusados e tratados como animais.

Um filme imperdível.

20140126-145438.jpg

Mandela

Nelson Mandela dispensa qualquer tipo de apresentação, embora haja umas meninas a achar que era Australiano. Ainda assim este filme inspirado na sua autobiografia é fabuloso. Ficamos a saber um pouco mais da sua forma de ser e estar, do seu sentido de humor, do seu gosto pelo boxe, e até da sua vida intima. Recordamos pormenores históricos que sabemos dos livros, e que assistimos em pequenos através dos media, embora alguns factos estejam romanceados que a decisão de não aplicar a pena de morte foi devido à pressão internacional, não do juiz simpático, e Mandela foi preso 1 ano antes dos seus companheiros. No fundo o mesmo Mandela que conhecemos com uma abordagem diferente.

20140116-134026.jpg

Açores

Desde miúda que ouvia falar nos Açores e na sua beleza natural, mas nunca foi um destino prioritário e não havia oportunidade de lá ir sem ser a passeio. Em janeiro de 2013 alguém se lembrou de escolher os Açores como destino para a passagem de ano e lá fui eu conhecer a ilha de S. Miguel.

Foi uma semana fabulosa. Adorei conhecer os Açores, adorei tudo o que vi e só tive pena de não estar um tempo mais quente para aproveitar um pouco mais. Mal cheguei percebi que era uma parvoeira não colocar os Açores no top de viagens a fazer!

Lagoa das 7 Cidades, também conhecida por Lagoa Azul e Lagoa Verde:

20140116-131311.jpg

As termas da Ferraria é imperdível com a sua piscina exterior com agua que ronda os 36º/38ºC:

20140116-131324.jpg

20140116-131333.jpg

A Rota do Chá: 20140116-131359.jpg

Igreja de Ponta Delgada:20140116-131411.jpg

O famoso cozido das furnas. Preparem-se que cheira pessimamente… e não me venham dizer que não cheira mal que é cheiro a enxofre que o enxofre cheira mal!20140116-131421.jpg

20140116-131430.jpg

De noite tem o seu encanto… mas cheira igualmente mal!20140116-131443.jpg

Lagoa do Fogo, na minha opinião bem mais bonita que a das 7 cidade. Fiquei com imensa pena de não ser verão para descer até às prais da lagoa e dar uns mergulhos.20140116-131453.jpg

O Jardim da Caldeira Velha é magnifico, tem uma cascata de agua quente fabulosa, mas não tão quente que me atrevesse a entrar. Deve rondar os 27º/28ºC, que para Janeiro é pouco apelativo.20140116-131501.jpg

20140116-131511.jpg

20140116-131522.jpg

No Jardim Terra Nostra já é diferente, a agua já é bem quente, a agua tem este ar encardido e destoe biquinis que não sejam pretos. Mas o que me encantou foi o enquadramento da casa com a piscina. Lembrei-me automaticamente do Gatspy e das festas que poderia fazer neste espaço.20140116-131531.jpg

20140116-131540.jpg

20140116-131550.jpg

Ponta delgada vista de cá de cima é linda!20140116-131559.jpg

Devious Maids

Nunca fui dada a televisão, nunca fui chegada a séries, nem nunca perdi muito tempo com nenhuma das duas, mas quando o assunto é futilidade da boa recebo-o de braços abertos em todas as formas!

Estas ferias falaram-me da série Devious Maids, e felizmente alertaram-me para o facto do episódio piloto não ser fantástico. Eu alerto para o facto de o segundo, embora bem melhor, também não o ser. Mas todos os outros são fabulosos. Como não tenho paciência para seguir séries na TV fui a um site, recomendado por uma amiga, onde se podem ver todos os episódios disponíveis. Passei o domingo em casa, sentada no sofá de iPad na mão, a devorar a primeira season. Foi uma tarde muito divertida, com muita gargalhada e futilidade da boa. Agora é esperar que saiam todos os episódios da 2nd season para voltar a ter um domingo caseiro!

20140107-005336.jpg

Some quotes:

– We have a saying here in Beverly Hills. To steal another one’s husband is rude. To steal her maid is unforgivable.

– Are you sure you don’t want to get married in Beverley Hills? It would affect the quality of gifts we receive.

– Please stop. I just took a Valium and you are ruining it.

– I don’t care about photos. I don’t care about evidence. My maid was murdered! Who’s going to clean it up?

– He says he wants to help vaccinate people in the Congo. It sounds like the worst vacation ever.

47 Ronin

Começa o ano e começam as idas ao cinema, e para começar em grande nada como uma história de amor eterno, que apesar de achar o dia dos namorados uma pirosada, sou uma verdadeira romântica e adoro histórias de amor.

Baseado na tradicional lenda japonesa do séc XVIII, e com efeitos especiais fabulosos à mistura, é uma versão americana dos valores orientais, e da própria lenda. É quase que a versão romântica da lenda. A crítica no geral é péssima, mas eu amei! Foi sem dúvida o filme ideal para começar o ano, muito inspirador e com Keanu Reeves como bônus!

20140104-145904.jpg