Praia da Amália

A Amália, como qualquer diva que se preze, tinha uma casa na praia longe dos fotógrafos e da confusão. Agora que infelizmente nos deixou a sua casa é para alugar e a sua praia, que nunca foi privada, pode ser visitada.

Pelo meio dos viveiros e dos caniçados chega-se a uma pequena praia com cascata. A descida não é muito acessível e tem de ser feita com a ajuda de uma corda, mas vale a pena correr o risco de escorregar, e diga-se a bem da verdade, que não é nada que já não esteja habituada a fazer por estas bandas!

20130805-184023.jpg

20130805-184032.jpg

20130805-184044.jpg

20130805-184053.jpg

20130805-184101.jpg
Na cascata tive a oportunidade de fotografar este Deus Grego que faz parte da minha vida há uns 5 anos e só agora se revelou como modelo!!!

20130805-184448.jpg
Agora uma foto para o final, que é que aparece no facebook, só para o modelo não me espancar até à morte!

20130805-184738.jpg

Advertisements

Costa vincentina

Para quem não quer passar as ferias em festas da moda e prefere descansar e usufruir os dias a Costa Vincentina é a melhor opção para o “vá para fora cá dentro”!

O destino escolhido este ano foi o Brejão, mais ou menos a 7 km da Zambujeira, longe da confusão e a ver pela quantidade de rede da civilização! Pelo que percebi o centro tem 2 ou 3 restaurantes e é só. Para quem quer descansar não há melhor. Para quem quer saídas e copos o melhor é dar um pulo até à Zambujeira.

Para não perder muito tempo em buscas, nada como passar o dia na praia do costume.

20130804-213436.jpg

20130804-213500.jpg

20130804-213451.jpg

20130804-213533.jpg

20130804-213520.jpg
A noite é passada em casa e ficou por conta da Dj privada.

20130804-230118.jpg

20130805-112514.jpg

BTL

Podia ser um programa de treino, mas é bem melhor que isso, é a feira internacional de turismo a decorrer na FIL!

Durante esta semana, quem quer viajar mas não sabe para onde, pode visitar a feira e descobrir os melhores destinos de ferias, os melhores Hoteis e o melhor que portugal tem para oferecer.

A convite da TQ Viagens acabo de chegar e já estive a aprender a fazer bombons com vinho de Carcavelos, e agora o Bus da X ride.

20130301-174318.jpg

Convento de Cristo

Ferreira do Zêzere tem uma vista linda de morrer, o Lago Azul, e pouco mais. É óptimo para os desportos de verão, para quem consegue fazer ski aquático durante o inverno e para quem precisa descansar. Para se conseguir alguma actividade extra é preciso pegar no carro e conhecer as terras à volta.

A primeira visita aos arredores foi ao Convento de Cristo. É um marco histórico em Tomar e património mundial, quem vai para a zona não pode deixar de visitar. Pertenceu à ordem dos templários e era sede da ordem de Cristo. A janela manuelina vem em todos os livros de história e quem segue as áreas de arq., interiores ou artes decorativas estuda o edifício até ao terceiro ou quarto ano da faculdade.

Já o visitei vezes sem conta em visitas de estudo. Este ano não entrei. Horas a desfrutar os maranhos ao almoço, prato tradicional da zona, fizeram com que chegasse ao convento a 15 minutos do fecho. (É bom mas gosto mais de farinheira e morcela com maçã!) Fiquei por uma secção fotográfica bastante divertida no exterior, que os amigos não me deixam postar, mas que ficará lindamente emoldurada lá em casa!

20121230-121343.jpg

Ferreira do Zêzere

Gosto de passar o ano fora da cidade e todos os anos escolho com os amigos um local, dentro de Portugal, para passar os últimos dia do ano. Este ano não foi excepção e optámos por Ferreira do Zêzere. Em Outubro tratámos de tudo, gostamos de tratar das reservas a tempo e horas não vá acabarmos o ano em casa. Hoje já acordámos com esta vista:

20121229-124619.jpg
Durante o fim de semana e até ao final do ano conto visitar o Castelo de Almourol, a barragem do Castelo de Bode e o Convento de Tomar, durante o dia, e dançar muito durante a noite!

Madrid II

Madrid tem muito para ver, embora um fim de semana seja suficiente para ver os pontos principais, 4 dias é o ideal!

Museus é o que não falta nesta cidade, quem nunca veio a Madrid tem de ver todos! Eu que já conheço as exposições permanentes aproveito para ver as temporárias. O tempo não é muito, por isso optei por uma, a eleita foi a da Cartier no thyssen.

20121216-115229.jpg
Para passear e fazer um shopping não há bairro melhor que o de Salamanca, é o bairro chic de Madrid e tem todas as lojas. Se me mudasse para a cidade era sem duvida o meu bairro de eleição. Desde as lojas de sonho, como a Chanel e a LV, às Zaras este bairro tem de tudo. Aqui encontram-se pessoas bonitas, restaurantes da moda como o Ten con Ten ou o Luzi bombom e também vários lateral. O Lateral é para mim um must go! A especialidade são tapas, mas tapas em bom, desde os pincho de solomillo com brie aos rolos de salmão com queijo e maçã caramelizada, é tudo delicioso, e tudo com óptimo preço, não se percebe como é que ainda ninguém importou a ideia.

20121216-115543.jpg

Os pontos principais foram vistos e já não tenho tempo, mas há mais para ver. O parque do retiro, o palácio dos reis, o estádio do Santiago Barnabeu, para os amantes da bola, o brunch na Mallorca e os museus!

Madrid!

Das varias cidades europeias Madrid é a que fica mais perto e todos os motivos são validos para lá ir. O ano passado foi um presente envenenado que ofereci, este ano um sorteio da TQ eventos e viagens.

Não dispenso uma visita à cidade e assim que a TQ viagens fez o sorteio no facebook aderi. Nada como ser fã da pág.!
¡Depois de partilhar 20 mil vezes a imagem da promoção no facebook (… e criar alguns inimigos por lá… houve até quem me ameaçasse de me eliminar!) fiz as malas e aqui vou eu para terras de nuestros hermanos ! (Tirar muitas fotos para pôr no face!)

Este fim de semana esqueçam o Natal, as dicas de beleza e afins, este fim de semana todos os posts vão dar a Madrid!

20121215-124319.jpg
O objectivo principal desta viagem é dar a conhecer a cidade a um amigo.
Do Sol ao maravilhoso bairro de Salamanca já temos um roteiro alinhavado.

O primeiro local para levar um estreante em Madrid é a Puerta del Sol, é mais ou menos o centro de Madrid, mas na realidade é o km zero. Numa das esquinas temos uma das mais celebres pastelarias da cidade, a Mallorquina, é assim como a nossa versailes mas com menos de 1/3 da beleza. Verdade seja dita não tem beleza nenhuma e é muito barulhenta, mas tens uns bolos muito bons. É famosa pelas trufas e pelos croissants. A mim não me convence, mas tem de se ir mais que não seja para dizer que a nossa versailes é bem mais bonita.

20121215-124110.jpg
Perto do sol fica a Plaza Mayor, é mesmo maior e muito bonita, o caminho não é directo mas basta seguir as milhares de pessoas que se deslocam nesse sentido, (o frio não é impedimento para os espanhóis, rua é a palavra de ordem!) as arcadas estão cheias de lojas de suvenirs, cafés e restaurantes, o centro varia conforme as épocas mas há sempre os homens estatua e as mini feiras. Escusado será dizer que nesta altura todas as barraquinhas vendem presépios e decorações de natal. A praça é muito engraçada para se fazer uma pausa e desancar as pernas.

20121215-123943.jpg
Um pouco mais abaixo há uma paragem obrigatória, o mercado de San Miguel. Aqui sim pode-se almoçar, ou melhor, tapear. É um antigo mercado que foi remodelado e virou mercado gourmet, (um bom exemplo do que fazer ao nosso mercado da Ribeira.) tem tudo um ar fabuloso e apetece provar de tudo, dá gosto olhar para as vitrines. A vontade aqui não é muita, mas se as saudades apertarem podemos encontrar aqui doces conventuais portugueses e pasteis de nata, ou pelo menos dizem que sim, 2 voltas depois continuei sem os encontrar! Outro mercado a visitar é o de San Antón. Fica na Chueca, do outro lado da Gran Via. A Chueca é a zona trendy da cidade e muito direccionada para os gays. Com lojas alternativas, bares e restaurantes. Para jantar, fiz uma paragem no Bazar. A decoração é muito engraçada, toda em branco, e faz lembrar as mercearias antigas. Nunca tinha ouvido falar mas tinha bom ar, decidimos experimentar e fizemos muito bem. Para acabar a noite fomos dançar a um bar/discoteca na zona. A música é na maioria espanhola mas isso não é novidade. Aconselho todos a fazer uma busca pelas 40 mas antes vir para saber o que está na moda e conseguir cantar!

20121215-124225.jpg